quarta-feira, 13 de março de 2013

Agora Fico Bem, por Tiago Ramos


Título original: Now Is Good (2012)
Realização: Ol Parker
Argumento: Ol Parker
Elenco: Dakota Fanning, Josef Altin, Jeremy Irvine, Paddy Considine, Olivia Williams e Kaya Scodelario

A estrutura de Agora Fico Bem segue a fórmula padrão dos romances do género, um melodrama de sentimentalismo exacerbado que pode ser confundido com mais uma das habituais adaptações de livros de Nicholas Sparks que chegam anualmente aos cinemas. Não o é, mas podia ser, já que emula a sua fórmula clássica, podendo facilmente ser equiparado a My Sister's Keeper (2009) ou uma versão juvenil de The Bucket List (2007). Qual a novidade então? Basicamente nenhuma, mas não deixa de ser também bastante eficaz no seu objectivo de emocionar (e aí o juízo de valor das suas noções mais ou menos oportunistas dependerá de cada espectador), sendo evidentemente formulaico. Essa competência pode ser, por si só, considerada um bónus para o espectador, já que muitos, mesmo seguindo as regras, não conseguem sequer atingir esse objectivo.

Ol Parker é seguro na cadeira da realização, mas soube sobretudo rodear-se de bons actores e dirigi-los para além da mera interpretação insossa. Dakota Fanning, há poucos anos considerada o futuro da sua geração, parece acomodar-se nos últimos tempos a um tipo de papel que não exige muito de si como actriz, mas a verdade é que em Agora Fico Bem é carismática o suficiente na sua personagem (mesmo que o argumento a crie de uma forma linear) e gerando química suficiente com o seu co-protagonista Jeremy Irvine (mais afastado da apatia que o revelou ao mundo em War Horse). Mesmo com papéis menores, a energia e talento de Olivia Williams e Kaya Scodelario marcam a diferença num género normalmente medíocre.

Agora Fico Bem é o esperado, para o bem e para o mal. Será com certeza do agrado de fãs do género que esperam muitas lágrimas, valores familiares e uma paixão de tom juvenil, mas mesmo fora disso, é eficaz, competente e de certo até modo até corajoso para os padrões desta velha fórmula romanceada. É mais um no meio de tantos outros semelhantes, mas garante precisamente aquilo que oferece.


Classificação:
blog comments powered by Disqus

Comentários recentes no blogue

Powered by Disqus

Receive all updates via Facebook. Just Click the Like Button Below

?

You Can also Receive Free Email Updates:

Powered By NBT